sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Como tirar as metas do papel e alcançar seus objetivos em 2019

O Superpoder de fazer um pouco todos os dias
Primeira semana de 2019, um ano novinho começando cheio de possibilidades, centenas de páginas em branco à nossa frente esperando para serem preenchidas... Tudo isso é muito inspirador, mas eu sei melhor do que ninguém que a coisa mais fácil do mundo é a gente se perder no meio das milhões de distrações do dia a dia e acabar não conseguindo fazer nada do que a gente planejou no primeiro dia do ano.

Como isso já aconteceu comigo infinitas vezes, eu resolvi escrever este post contando uma dica super simples que eu tenho colocado em prática e que vem me ajudando muito a parar esse círculo vicioso e conseguir dar andamento aos meus projetos.

A dica é tão simples que pode ser que você duvide da eficácia dela assim como eu duvidei no início. Mas acredite: ela funciona! E, se você realmente colocá-la em prática, quando menos esperar, estará atingindo suas metas. A dica é simplesmente fazer um pouco todos os dias.

A gente costuma subestimar o poder que nossos nossos hábitos exercem sobre nós, mas são eles que moldam toda a nossa vida. E um livro que me ajudou muito nesse processo de entender o poder das pequenas ações que realizamos diariamente foi O Poder do Hábito. O livro mostra isso de forma bem clara, além de mostrar o caminho para eliminar hábitos negativos e implementar os que você precisa.

Qual o seu objetivo? Voltar a estudar? Aprender um novo idioma? Começar a malhar? Escrever um blog ou mesmo um livro? E, deixa eu adivinhar, você não tem tempo para se dedicar a esta atividade, certo? Este é o problema de 11 em cada 10 pessoas no planeta atualmente. E, incluída nesta estatística, eu também me debati com esta questão durante anos até me convencer do poder de fazer um pouquinho todos os dias.


Comece aos poucos

Se você quer estudar, mas não tem tempo, comece lendo uma página por dia das matérias que você mais gosta. "Ah, mas nesse ritmo, eu não vou aprender nada, vai demorar muito." Apenas comece. Depois, passe a ler 2 páginas, e assim sucessivamente. Depois, passe a estudar as matérias que você não curte tanto, pois vai ser mais fácil após o hábito instalado.

Se você quer começar a se exercitar, comece fazendo uma caminhada de 10, 15 minutos por dia. "Ah, mas eu não vou emagrecer desse jeito. Não vai fazer a menor diferença." Apenas vá caminhar. Todos os dias. Se for difícil encaixar este momento na rotina, você pode descer do ônibus um ponto antes no seu caminho para o trabalho. Ou dar uma volta no quarteirão na hora do almoço.

Se você quer começar a escrever, seja um blog ou um livro, escreva algo TODOS OS DIAS, sobre qualquer coisa. Mesmo quando você achar que está sem ideia nenhuma, escreva. Nem que seja só um parágrafo, só uma linha. Escreva.

E, em relação a este ponto específico, eu posso falar com propriedade, pois, depois que inseri na minha vida o hábito diário de escrever, eu venho conseguindo resolver o problema que eu tinha de demorar muito para criar posts novos aqui no blog.


Minha experiência

Eu sou uma pessoa muito dispersa, tenho a mente muito agitada e, com isso, quero fazer várias coisas ao mesmo tempo e acabo não terminando nenhuma. Mas, em 2018, eu decidi que não poderia continuar deixando essa característica negativa dominar a minha vida. Então, ao longo do ano, eu vim me esforçando para realmente me comprometer com novos hábitos que eu queria e precisava implementar na minha rotina para realizar as coisas que eu quero.

Entre estes novos hábitos, estava o de escrever todos os dias. E, após meses de muita luta interna, em que muitas vezes eu me sentava e só conseguia escrever um parágrafo ou mesmo uma linha, eu finalmente consegui que ele se tornasse parte natural da minha rotina.

A partir de então, escrever os textos do blog se tornou uma tarefa bem mais fácil. Tanto que eu nem senti que escrevi 6 posts em dezembro, quase não acreditei quando vi no arquivo de publicações. O meu normal sempre foram 4 por mês no máximo, e isso com muito custo.

Após esta humilde primeira vitória, eu sigo trabalhando no desenvolvimento de outros hábitos diários, como meditar por pelo menos 10 minutos, ouvir um áudio curto de Inglês e ler pelo menos uma página de um livro por dia. Este último já está quase estabelecido. Os outros 2 ainda vão me dar um pouquinho mais de trabalho, mas eu também vou conseguir.


É preciso Comprometimento

Quebrar uma meta grande em partes menores que você possa executar diariamente sem alterar significativamente a sua rotina ajuda muito. Mas, isso de nada adiantará se você não se comprometer  a realizar TODOS OS DIAS as tarefas que determinou. Comprometimento é tudo! E, para alcançar seus objetivos, você precisa se comprometer com o seu novo hábito e executá-lo todos os dias, de preferência no mesmo horário. Este detalhe é muito importante para que todo o seu organismo se acostume com a nova rotina e passe a "pedir" naturalmente por ela.


Vá devagar, mas não pare.

Esta questão de implementação de novos hábitos é um assunto muito amplo. E, claro, eu não sou nenhuma especialista. Mas, o que eu queria dizer mesmo com este post, baseada na minha experiência pessoal, é que a mudança é possível. É possível tirar nossos planos do papel mesmo em meio à rotina corrida, mesmo com pouco tempo disponível.

Vá devagar, vá no seu tempo, mas não pare. Não desista, porque quando menos esperar, você terá alcançado a mudança que tanto queria. E, quando isso acontecer, você se sentirá muito orgulhoso de si mesmo e com muito mais confiança para alçar vôos maiores. E, meu amigo, eu te digo por experiência própria que esta sensação vale todo o esforço anterior.

"Mude, mas comece devagar, porque a direção é mais importante que a velocidade." 

Clarice Lispector

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Obrigada pela visita! Deixe a sua dúvida ou opinião, que eu responderei o mais breve possível.